Sítio da equipa do Centro de Documentação e Informação do Agrupamento de Escolas Passos Manuel
Aqui, apresentamos as atividades da nossa comunidade com as bibliotecas escolares, desde a Educação Pré-Escolar ao Ensino Secundário.

30/10/2015

A turma A no projeto "Eu leio, tu lês, nós lemos" (sessão 2)

A turma A da EB1/JI Gaivotas beneficiou da segunda sessão do projeto "Eu leio, tu lês, nós lemos", uma articulação entre o professor bibliotecário e a docente titular da turma, tal como descrita na sessão anterior.

(Imagem retirada de http://rvccno.blogspot.pt/, a 02/10/2014)

Nesta sessão, os alunos recordaram algumas trava línguas trabalhadas na sessão anterior, tendo como base a obra Destrava Línguas, de Luísa Ducla Soares.

(SOARES, Luísa Ducla - Destrava línguas)

Posteriormente, os alunos foram desafiados a repetir de memória outros textos, tendo por base gestos repetitivos ao som de rimas repetidas em grupo.

A turma D no projeto "Eu leio, tu lês, nós lemos" (sessão 2)

A turma D da EB1/JI Gaivotas integra o projeto "Eu leio, tu lês, nós lemos" da responsabilidade do professor bibliotecário, em articulação com a docente titular da turma, tal como é descrito na sessão anterior.

(Imagem retirada de http://rvccno.blogspot.pt/, a 02/10/2014)

Nesta sessão, os alunos recordaram a sessão anterior depois duma ausência de três semanas por doença da sua professora. O texto tratado foi o poema "Os dias da semana", de António Manuel Couto Viana, em Versos de Cacaracá.


Posteriormente, os alunos foram desafiados a debater o poema quanto às rimas concordantes e às ações desenvolvidas pelos alunos em família ou entre amigos, a cada domingo da semana, registando toda a informação numa ficha de trabalho.

A turma E e o projeto Leitura a Par (sessão 2)

A turma E da EB1/JI Gaivotas beneficiou da segunda sessão do projeto Leitura a Par (ao abrigo do Plano Nacional de Leitura), com sessões de 30 minutos semanais, à sexta-feira.

(Imagem retirada de http://www.sebentadigital.com no dia 24 de setembro de 2014)


O professor bibliotecário (em articulação com a professora titular de turma) trabalha a leitura de textos com um ou dois alunos por sessão, concluindo com o reconto oral da leitura realizada.

Deste modo, a turma E leu um texto com o título "Biografia de José Saramago", tendo enriquecido os seus conhecimentos sobre este grande escritor português.



28/10/2015

A turma E no projeto (Re)Descobrir a História de Portugal (sessão 4)

A turma E da EB1/JI Padre Abel Varzim beneficiou da quarta atividade ao abrigo do projeto (Re)Descobrir a História de Portugal, tal como foi descrito na publicação da primeira sessão.

(imagem retirada de pt.slideshare.net, em 22/09/2015) 

Nesta sessão, relembrámos a sessão de apresentação do projeto, desafiando-os a analisar uma banda desenhada sobre o tema para análise em grupos de trabalho e descobrindo os diferentes povos que pela Península Ibérica passaram ou viveram até à chegada definitiva do povo romano.

A obra de banda desenhada explorada.

(GARCÊS, José - A pátria lusitana)


Na apresentação coletiva da obra, os alunos escreveram no quadro negro o nome dos povos por ordem cronológica. Por fim, registaram as suas descobertas numa ficha de trabalho.

Material de trabalho


Material elaborado pelo aluno

(Brevemente serão divulgados os trabalhos dos alunos)


27/10/2015

A turma E no projeto "Eu leio, tu lês, nós lemos" (sessão 2)

A turma E da EB1/JI Gaivotas beneficiou da segunda sessão do projeto "Eu leio, tu lês, nós lemos", tal como é descrita na sessão 1.

(Imagem retirada de http://rvccno.blogspot.pt/, a 02/10/2014)

Nesta sessão, os alunos recordaram o primeiro capítulo "Trabalhos de casa" da obra Detective Maravilhas soma dois mais dois, de Maria do Rosário Pedreira, lendo e explorando o segundo capítulo "Novos dados".

(PEDREIRA, Maria do Rosário - Detective Maravilhas soma dois mais dois)


Posteriormente, os alunos foram desafiados a registar por escrito o trabalho realizado oralmente.

26/10/2015

Os alunos celebram o Dia Internacional da Biblioteca Escolar

Durante este mês, as bibliotecas escolares celebram a sua existência com a comunidade educativa, tendo como dia comemorativo a última segunda-feira do mês de outubro. Este ano, celebramos no dia 26 de outubro.



As bibliotecas escolares das EB1/JI Gaivotas e Padre Abel Varzim organizaram diferentes atividades com a comunidade escolar, tendo como lema "A Biblioteca Escolar é Super!"


O cartaz comemorativo das nossas bibliotecas escolares


As atividades foram organizadas pelo professor bibliotecário junto da comunidade escolar das duas escolas e realçaram o trabalho colaborativo entre docentes, envolvendo a comunidade educativa.

Deste modo, foram iniciados os projetos seguintes:
- (Re)Descobrir a História de Portugal, para alunos dos 3º e 4º anos (integrando também alunos da EB1/JI Luísa Ducla Soares);
- É Hora dos Livros, para toda a comunidade educativa;
- Eu leio, Tu lês, Nós lemos, para toda a comunidade escolar (integrando também alunos da EB1/JI Luísa Ducla Soares);
- Parceria com o Lar de Nossa Senhora do Amparo, para alunos da EB1/JI Padre Abel Varzim;
- Concurso Eu Sei Multiplicar, para alunos dos 3º e 4º anos da EB1/JI Padre Abel Varzim;
- Leitura a Par, para alunos do 1º ciclo.

Para além destes projetos de leitura e literacia foram organizadas visitas de estudo temáticas, como por exemplo:
- II Feira da Matemática, no Museu Nacional de História Natural e da Ciência, para alunos do 1º ciclo da EB1/JI Padre Abel Varzim;
À Descoberta do Castelo, no Castelo de São Jorge, no âmbito do Passaporte Escolar, para alunos do 1º ciclo (integrando também alunos da EB1/JI Luísa Ducla Soares); e
- Parceria com a Biblioteca Municipal Camões, para toda a comunidade escolar, em especial no dia 26 de outubro, para crianças da Educação Pré-Escolar e alunos dos 1º e 2º anos, com a dramatização do conto A Galinha Ruiva dinamizada pela técnica Inês Leitão.



Atividades desenvolvidas na Biblioteca Municipal Camões

As salas A e B da EB1/JI Padre Abel Varzim

Os alunos dos 1º e 2º anos da EB1/JI Gaivotas


Material proposto pela Biblioteca Municipal Camões



23/10/2015

As turmas A, B, C e D e a II Feira da Matemática

As turmas A, B, C e D da EB1/JI Padre Abel Varzim participaram na II Feira da Matemática com a colaboração do professor bibliotecário, no Museu Nacional de História Natural e da Ciência da Universidade de Lisboa, no dia 23 de outubro.


A turma B beneficiou da primeira atividade prática com o título "Vem divertir-te a programar robots", dinamizada pela professora Paula Abrante. Esta sessão explorou a robótica, oferecendo a oportunidade de constuir e programar robots. O Lego Mindstorms é um exemplo de um kit educativo que ajudou a transformar, de forma divertida, o modo como jovens e crianças aprendem. 


Os alunos ouvem as instruções da atividade.


As turmas C e D beneficiaram da segunda atividade com o título "Planetário", dinamizada pelos professores João Dias e Vasco Teixeira. Esta sessão o nosso sistema solar e o Universo visível.  Na sessão, partimos do céu visível a olho nu, passando pelas estrelas até Às galáxias próximas e mais distantes e questionando "O que estamos a ver quando olhamos para o céu?"

Os alunos apontam para o nascer do Sol (visto da Terra).


A turma A beneficiou da terceira e última atividade com o título "Origami - Vamos dobrar a Matemática", dinamizada pelos professores Tiago Robalo, Ilda Rafael, Anabela Gaio, Telma Côrte-Real, Maria Luís Pires e Manuela Martins. O origami é a arte japonesa de dobrar papel e o seu valor vai muito para além de uma simples atividade manual com resultados meramente decorativos. De facto, permite desenvolver conceitos de geometria, a visualização no espaço, a concentração, a motricidade e a cooperação, entre outros aspetos. Nesta sessão, prentendeu-se mostrar alguns conceitos matemáticos aliados à sua parte lúdica.

Os alunos executaram a baleia.

Os alunos terminaram com a execução da tulipa.



21/10/2015

A turma E relembra o terramoto de 1755

A turma E da EB1/JI Padre Abel Varzim beneficiou da segunda atividade ao abrigo do projeto (Re)Descobrir a História de Portugal, tal como foi descrito na publicação da primeira sessão.

(imagem retirada de pt.slideshare.net, em 22/09/2015) 

Nesta sessão, relembrámos os acontecimentos ocorridos na cidade de Lisboa, no dia 1 de novembro de 1755, e a importância de nos prevenirmos em situação de novo terramoto.

Os alunos começaram por visualizar um filme na biblioteca escolar que aborda os terramotos ocorridos na nossa cidade, ficando sensibilizados pela sua proteção em situação de estarem em casa junto de sua família. Posteriormente, refletiram coletivamente nas atitudes a ter antes, durante e depois de um tremor de terra.



Na sala de aula, os alunos relembraram as atitudes preventivas em casa junto da família e foram desafiados a imaginar um tremor de terra durante uma aula na escola e junto da sua professora.

No quadro negro, os alunos foram registando as suas ideias nos campos "antes, durante e depois".

Exemplo de registo realizado
------------------------------------------------------------------------------------------------------------
O que fazer em caso de um sismo na escola?

ANTES: colocar extintores em locais apropriados; prender os armários à parede; colocar os objetos pesados em prateleiras baixas; e desimpedir as passagens até às saídas.

DURANTE: protegermo-nos debaixo de uma mesa; não utilizar as escadas nem o elevador; abrigarmo-nos longe das janelas e dos armários; e contar em voz alta de um em um até o tremor acabar e a professora falar connosco.

DEPOIS: esperamos por orientações da professora que nos levará para um local seguro e nos ajudará a compreender o que se passa.

------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Após a cópia do quadro, os alunos executaram um simulacro de terramoto na escola, tendo-o realizado com troca de experiências e melhorado o exercício para o repetir no dia seguinte.

No final do dia, os alunos desenharam uma banda desenhada com as informações copiadas no caderno diário e sobre o simulacro realizado, tendo como base o ANTES, DURANTE e DEPOIS de um sismo durante um aula na escola.


Materiais elaborados pelos alunos

(Brevemente serão divulgados os trabalhos dos alunos)


20/10/2015

A turma E integra o projeto "Eu leio, tu lês, nós lemos"

A turma E da EB1/JI Gaivotas integra o projeto "Eu leio, tu lês, nós lemos", uma articulação entre o professor bibliotecário e a docente titular de turma, prevendo-se sessões semanais ou quinzenais à terça-feira, a partir das 14 horas.

Este projeto pretende promover a leitura aumentando a capacidade de cada aluno na procura e compreensão da informação, em diferentes suportes documentais, de modo a desenvolver o seu conhecimento. Os textos utilizados serão retirados de obras sinalizadas nas metas curriculares para a disciplina de Português do 4º ano e recomendados pelo Plano Nacional de Leitura.

(Imagem retirada de http://rvccno.blogspot.pt/, a 02/10/2014)

Nesta sessão, os alunos tiveram o primeiro contacto com o projeto, sendo dado a conhecer o primeiro capítulo "Trabalhos de casa" da obra Detective Maravilhas soma dois mais dois, de Maria do Rosário Pedreira.

(PEDREIRA, Maria do Rosário - Detective Maravilhas soma dois mais dois)


Posteriormente, os alunos foram desafiados a registar por escrito o trabalho realizado oralmente.

16/10/2015

A turma C e o Dia Mundial da Alimentação

A turma C da EB1/JI Padre Abel Varzim beneficiou de uma sessão no âmbito do Dia Mundial da Alimentação e após a celebração escolar entre todas as turmas, no exterior das salas de aula.


(imagem retirada de https://www.saibamaismg.com.br, a 19/10/2015)

O texto ouvido e debatido em sala de aula foi um poema de Conceição Areias, com o título Poema da alimentação, retirado da obra Onde meto o meu nariz?.


                 Poema da alimentação

Para a gente ter saúde
E sentir‐se equilibrada
É necessário que mude
Uma coisa ou outra errada.

Falar de alimentação
Que racional deve ser
Quer dizer, ter atenção
Ao que vamos comer.

Quem quer matar a fome
Como que a barriga ilude.
Escolhendo o que se come
Podemos ter mais saúde.

Na criança em crescimento,
Que é uma etapa especial,
Tem de ser o alimento
Coisa mais substancial.

Vamos então estudar
Uma dieta a preceito,
E os meninos ensinar
A comerem com proveito.

De manhã faz bem
Um copo de leite cheio,
E pão com queijo também
Com manteiga pelo meio.

Como a manhã é comprida,
Lá para as onze, onze e meia,
Uma frutinha comida
É sempre uma boa ideia.

                 Nos almoços carne e peixe,
                 Ou um ovo tanto faz
                 E uma sopinha que deixe
                 A tripazinha capaz.

                 Lá para as cinco da tarde
                 Lanchar sempre leite e pão.
                 Não é comida que farte;
                 É ligeira a refeição.

                 Porque logo vem o jantar
                 E precisas de ter fominha.
                 Carne ou peixe e, a acompanhar,
                 Arroz, batata ou massinha.

                 Não te esqueças das saladas,
                 Ou dos legumes cozidos:
                 Com as suas cores variadas
                 Fazem pratos coloridos.

                 Água, beber amiúde,
                 E doces só quando há festa.
                 Para poder crescer com saúde,
                 Podendo, dorme a sesta.

                Assim serás grande e forte,
                Alegre, são, bem disposto.
                E ajudarás a sorte
                Vivendo sempre com gosto.


A turma A integra o projeto "Eu leio, tu lês, nós lemos"

A turma A da EB1/JI Gaivotas integra o projeto "Eu leio, tu lês, nós lemos", uma articulação entre o professor bibliotecário e a docente titular da turma, prevendo-se sessões semanais à sexta-feira, a partir das 11 horas.

Este projeto pretende promover a leitura aumentando a capacidade de cada aluno na procura e compreensão da informação, em diferentes suportes documentais, de modo a desenvolver o seu conhecimento. Os textos utilizados serão retirados de obras sinalizadas nas metas curriculares para a disciplina de Português do 1º ano e recomendados pelo Plano Nacional de Leitura.

(Imagem retirada de http://rvccno.blogspot.pt/, a 02/10/2014)

Nesta sessão, os alunos tiveram o primeiro contacto com o projeto, sendo dado a conhecer alguns dos textos da obra Destrava línguas, de Luísa Ducla Soares.

(SOARES, Luísa Ducla - Destrava línguas)

Posteriormente, os alunos foram desafiados a repetir de memória o texto seguinte.

Num ninho de nafagafos
há sete nafagafinhos.
Quando a nafagafa sai
ficam os nafagafos sozinhos.


A turma A requisita livros para ler em casa

A turma A da EB1/JI Gaivotas deu início à atividade de requisição domiciliária semanalàs sextas-feiras, a partir das 11 horas, com o professor bibliotecário.

Nesta atividade, os alunos selecionam um a dois documentos para leitura em casa junto dos seus familiares e amigos até duas semanas, podendo este tempo ser renovado por mais duas semanas. Após este período, os alunos têm de devolver os documentos à biblioteca para que outros alunos também os possam requisitar e ler junto dos seus familiares e amigos.

Estes momentos de leitura fora da escola têm como objetivo: sensibilizar as famílias para a importância dos livros de histórias no crescimento e no desenvolvimento intelectual e afetivo das crianças.

No final de cada período, o professor bibliotecário divulgará os dados de utilização da biblioteca com referência a cada uma das bibliotecas escolares em que esta atividade decorre, ao abrigo do projeto É Hora dos Livros, para o 1º ciclo.



14/10/2015

As salas A e B visitam o Lar de Nossa Senhora do Amparo

As crianças das salas A e B da EB1/JI Padre Abel Varzim visitam o Lar de Nossa Senhora do Amparo, no âmbito das comemorações do Dia Mundial da Alimentação, em situação de atividade colaborativa entre o Jardim de Infância e a Biblioteca Escolar.

Fachada e entrada principal do Lar de Nossa Senhora do Amparo

O edifício encontra-se no Bairro Alto (muito perto da escola), tem o nome de Palácio dos Marqueses de Minas e depende da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa. Construído no século XVII, foi depois do terramoto de 1755 que passou a ser residência dos marqueses. No interior, destaca-se uma coleção de azulejos azuis e brancos que vão desde o átrio de entrada ao andar nobre.



As crianças também conheceram a comunidade que atualmente habita este espaço. São pessoas com muito mais idade, muitos cabelos brancos e necessidades diferentes dos outros adultos. Estes adultos receberam das crianças um ramo de hortelã para colocar na canja ao almoço. Posteriormente, foram cantadas algumas canções alusivas ao momento, tendo alguns dos idosos acompanhado.

Primeiro dia de visita

               Foto 1 - Chegada ao Lar de Nª Srª do Amparo.          Foto 2 - Entrega do ramo.

Segundo dia de visita

Foto 3 - Chegada ao Lar de Nª Srª do Amparo.

Terceiro dia de visita

Foto 4 - Chegada ao Lar de Nª Srª do Amparo.

09/10/2015

A turma D integra o projeto "Eu leio, tu lês, nós lemos"

A turma D da EB1/JI Gaivotas integra o projeto "Eu leio, tu lês, nós lemos" da responsabilidade do professor bibliotecário e em articulação com a docente titular da turma, prevendo-se sessões semanais à sexta-feira, a partir das 9 horas e 30 minutos.

Este projeto pretende promover a leitura aumentando a capacidade de cada aluno na procura e compreensão da informação, em diferentes suportes documentais, de modo a desenvolver o seu conhecimento. Os textos utilizados serão retirados das obras sinalizadas nas metas curriculares para a disciplina de Português do 4º ano.

(Imagem retirada de http://rvccno.blogspot.pt/, a 02/10/2014)

Nesta sessão, os alunos tiveram o primeiro contacto com o projeto, sendo dado a conhecer o primeiro texto a trabalhar: o poema "Os dias da semana", de António Manuel Couto Viana, em Versos de Cacaracá.


Posteriormente, os alunos foram desafiados a debater o poema quanto às rimas concordantes e às ações desenvolvidas pelos alunos em família ou entre amigos, a cada domingo da semana, sendo dada continuidade na semana seguinte para uma atividade escrita.

Poema de António Manuel Couto Viana

Os Dias da Semana (excerto)

Vou passar na brincadeira
segunda-feira.
E vou divertir-me à farta
na terça e quarta.
Quinta e sexta vou gozar
sem mais parar.
Para acabar esta festa,
só o sábado me resta.
Quantas horas de alegria
em cada dia.

A turma E integra o projeto Leitura a Par

A turma E da EB1/JI Gaivotas integra o projeto de Leitura a Par (ao abrigo do Plano Nacional de Leitura), com sessões de 30 minutos semanais, à sexta-feira.

(Imagem retirada de http://www.sebentadigital.com no dia 24 de setembro de 2014)


O professor bibliotecário (em articulação com a professora titular de turma) trabalha a leitura de textos com um ou dois alunos por sessão, concluindo com o reconto oral da leitura realizada.

Deste modo, a turma E leu o poema "O avião", de António Couto Viana.



07/10/2015

As turmas C, D e E celebram a Implantação da República Portuguesa

Os alunos dos 3º e 4º anos das turmas C, D e E da EB1/JI Padre Abel Varzim deram início ao projeto (Re)Descobrir a História de Portugal, beneficiando duma sessão sobre a Implantação da República Portuguesa (a 5 de outubro de 1910).

(imagem retirada de pt.slideshare.net, em 22/09/2015) 

Este projeto desenvolver-se-á ao longo deste ano letivo e terá por temática a História de Portugal (desde que se conhece até à atualidade) em articulação com o professor bibliotecário. Tem como objetivo principal ler e compreender diferentes tipos de texto, aumentando a capacidade de cada aluno na procura e compreensão da informação, de modo a desenvolver o seu conhecimento na história local e nacional, assim como (re)conhecer os símbolos nacionais. Sempre que possível em articulação com as disciplinas de Português, Matemática e Expressões e de acordo com o programa e metas curriculares da disciplina de Estudo do Meio para os níveis de escolaridade respetivos. (Saber mais - http://www.dge.mec.pt/estudo-do-meio)


O empenho dos alunos na participação da atividade


Materiais utilizados para o desenvolvimento desta sessão




Posteriormente, aos alunos do 4º ano, foi aplicado um exercício prático no âmbito da disciplina de Matemática em que os alunos descobriram a quinta parte duma folha retangular através de dobragens. Com o objetivo de identificar a linha que divide a cor verde da cor encarnada na Bandeira Nacional. Por fim, coloriram a bandeira construída por meio de dobragens.

(Brevemente serão divulgados os trabalhos dos alunos)


Aos alunos do 3º ano, foi apresentada uma folha com a bandeira da República Portuguesa para colorir.





A execução do trabalho final dos alunos do 3º ano


06/10/2015

A turma E integra o projeto (Re)Descobrir a História de Portugal

A turma E da EB1/JI Gaivotas integra o projeto (Re)Descobrir a História de Portugal, beneficiando duma sessão sobre a Implantação da República Portuguesa.

(imagem retirada de pt.slideshare.net, em 22/09/2015) 

Este projeto desenvolver-se-á ao longo deste ano letivo e terá por temática a História de Portugal (desde que se conhece até à atualidade) em articulação com o professor bibliotecário. Tem como objetivo principal ler e compreender diferentes tipos de texto, aumentando a capacidade de cada aluno na procura e compreensão da informação, de modo a desenvolver o seu conhecimento na história local e nacional, assim como (re)conhecer os símbolos nacionais. Sempre que possível em articulação com as disciplinas de Português, Matemática e Expressões e de acordo com o programa e metas curriculares da disciplina de Estudo do Meio para os níveis de escolaridade respetivos. (Saber mais - http://www.dge.mec.pt/estudo-do-meio)

Materiais utilizados para o desenvolvimento desta sessão




Posteriormente, foi apresentada uma folha com a bandeira da República Portuguesa para colorir.



Os alunos das turmas B, D e E requisitam livros para ler em casa

Os alunos das turmas B, D e E da EB1/JI Gaivotas deram início à atividade de requisição domiciliária semanalàs terças-feiras, das 9 às 11 horas e 30 minutos, com o professor bibliotecário.

Nesta atividade, os alunos selecionam um a dois documentos para leitura em casa junto dos seus familiares e amigos até duas semanas, podendo este tempo ser renovado por mais duas semanas. Após este período, os alunos têm de devolver os documentos à biblioteca para que outros alunos também os possam requisitar e ler junto dos seus familiares e amigos.

Estes momentos de leitura fora da escola têm como objetivo: sensibilizar as famílias para a importância dos livros de histórias no crescimento e no desenvolvimento intelectual e afetivo das crianças.

No final de cada período, o professor bibliotecário divulgará os dados de utilização da biblioteca com referência a cada uma das bibliotecas escolares em que esta atividade decorre, ao abrigo do projeto É Hora dos Livros, para o 1º ciclo.



05/10/2015

As turmas B, C e D celebram a Implantação da República Portuguesa

Os alunos dos 3º e 4º anos das turmas B, C e D da EB1/JI Luísa Ducla Soares deram início ao projeto (Re)Descobrir a História de Portugal, beneficiando duma sessão sobre a Implantação da República Portuguesa (a 5 de outubro de 1910).

(imagem retirada de pt.slideshare.net, em 22/09/2015) 

Este projeto desenvolver-se-á ao longo deste ano letivo e terá por temática a História de Portugal (desde que se conhece até à atualidade) em articulação com o professor bibliotecário. Tem como objetivo principal ler e compreender diferentes tipos de texto, aumentando a capacidade de cada aluno na procura e compreensão da informação, de modo a desenvolver o seu conhecimento na história local e nacional, assim como (re)conhecer os símbolos nacionais. Sempre que possível em articulação com as disciplinas de Português, Matemática e Expressões e de acordo com o programa e metas curriculares da disciplina de Estudo do Meio para os níveis de escolaridade respetivos. (Saber mais - http://www.dge.mec.pt/estudo-do-meio)

Materiais utilizados para o desenvolvimento desta sessão




Posteriormente, foi aplicado um exercício prático no âmbito da disciplina de Matemática em que os alunos descobriram a quinta parte duma folha retangular através de dobragens. Com o objetivo de identificar a linha que divide a cor verde da cor encarnada na Bandeira Nacional. Por fim, coloriram a bandeira construída por meio de dobragens.

(Brevemente serão divulgados os trabalhos dos alunos)