Sítio da equipa do Centro de Documentação e Informação do Agrupamento de Escolas Passos Manuel
Aqui, apresentamos as atividades da nossa comunidade com as bibliotecas escolares, desde a Educação Pré-Escolar ao Ensino Secundário.

29/09/2014

A sala A e "Os três porquinhos"

As crianças da sala A do Jardim de Infância Gaivotas foram à biblioteca escolar ver o filme animado "Os três porquinhos".

Posteriormente, debateram o filme quanto às personagens e suas ações. Assim como, o seu desenvolvimento e contexto moral.

No final da sessão, os alunos foram para a sala de aula executar um trabalho a expor na biblioteca.



26/09/2014

As turmas D e E e "Eu sinto-me seguro" (sessão 2)

As turmas D e E da EB1/JI São José beneficiaram da segunda sessão do projeto "Eu sinto-me seguro", com a colaboração do professor bibliotecário.


(Retirada de http://1.bp.blogspot.com/ a 26 de setembro de 2014)

A sessão 2 deste projeto abordou a segurança na escola (ao nível do aluno e da turma) quanto à manipulação de materiais escolares, em articulação horizontal entre as diferentes disciplinas do programa curricular dos 2º e 3º anos.

No final da sessão, os alunos são convidados a participar num jogo coletivo, evidenciando as suas aprendizagens e saberes durante esta sessão.

Material utilizado para o desenvolvimento desta sessão


O projeto encontra-se fundamentado em orientações do MEC (clicar para ler mais).

25/09/2014

A turma C lê a Par

A turma C da EB1/JI Gaivotas iniciou a atividade de Leitura a Par previstas em "Um projeto a Par" divulgado na semana passada (ao abrigo do Plano Nacional de Leitura).

(Imagem retirada de http://www.sebentadigital.com no dia 24 de setembro de 2014)


O professor bibliotecário (em articulação com a professora titular de turma) trabalhou a leitura de textos com alunos durante 30 minutos, concluindo cada sessão com o reconto oral da leitura realizada.

Deste modo, a turma C leu o texto leu "A aventura do regresso de férias".

"A aventura do regresso de férias

     Passo férias na aldeia da minha avó, e é ótimo porque nunca tenho horas para nada.
     - Férias são assim mesmo - diz ela.
     Mas, quando a minha mãe telefona, ela garante que me levanto às nove, almoço à uma, e às nove estou na cama. Depois desliga e ficamos os dois a rir muito.
     A minha avó é da minha idade, mas a minha mãe não sabe.
     Mas também é bom voltar para casa, porque o regresso é uma aventura.
     A minha mãe garante que às dez está à porta para me trazer; eu que tenha a mochila pronta porque não pode esperar.
     E batem as dez, batem as onze (batem mesmo, porque a casa da minha avó é perto da igreja), e da minha mãe nem rasto.
     - Ao menos podias ter ligado! - refila a minha avó quando, às três da tarde, ela aparece."

Alice Vieira, Texto inédito, 2011


No final da atividade, o professor bibliotecário registou o desempenho do aluno a entregar à sua professora.

24/09/2014

As turmas C, D e E leem a Par

As turmas C, D e E da EB1/JI Padre Abel Varzim iniciaram as atividades de Leitura a Par previstas em "Um projeto a Par" divulgado na semana passada (ao abrigo do Plano Nacional de Leitura).

(Imagem retirada de http://www.sebentadigital.com no dia 24 de setembro de 2014)


O professor bibliotecário (em articulação com a professora titular de turma) trabalhou a leitura de textos com 4 alunos por turma durante 30 minutos, concluindo cada sessão com o reconto oral da leitura realizada.

Deste modo, a turma C leu o texto "No meio da floresta", a turma D leu "A aventura do regresso de férias" e a turma E leu "O avião".

"A aventura do regresso de férias

     Passo férias na aldeia da minha avó, e é ótimo porque nunca tenho horas para nada.
     - Férias são assim mesmo - diz ela.
     Mas, quando a minha mãe telefona, ela garante que me levanto às nove, almoço à uma, e às nove estou na cama. Depois desliga e ficamos os dois a rir muito.
     A minha avó é da minha idade, mas a minha mãe não sabe.
     Mas também é bom voltar para casa, porque o regresso é uma aventura.
     A minha mãe garante que às dez está à porta para me trazer; eu que tenha a mochila pronta porque não pode esperar.
     E batem as dez, batem as onze (batem mesmo, porque a casa da minha avó é perto da igreja), e da minha mãe nem rasto.
     - Ao menos podias ter ligado! - refila a minha avó quando, às três da tarde, ela aparece."

Alice Vieira, Texto inédito, 2011


"O avião

     Sentado em terra, no relvado,
     o coelhinho julga ver
     no céu, acima do telhado,
     um avião pronto a descer.

     Sim, é verdade, é um avião.
     E nele é fácil avistar
     seu tio, o grande campeão,
     que agita um lenço de assoar.

     Com um barulho atordoante,
     o avião, todo vermelho,
     ali aterra, num instante,
     ante a alegria do coelho.

     Já para o chão o tio salta.
     E não lhe ficam nada mal
     o capacete, a bota alta
     e o casacão de cabedal."

António Couto Viana, O avião in Versos de Caracacá, Texto, 1ª edição, 2010


No final da atividade, o professor bibliotecário registou o desempenho do aluno a entregar à sua professora.

19/09/2014

As turmas D e E e "Eu sinto-me seguro"

As turmas D e E da EB1/JI São José integram o projeto "Eu sinto-me seguro".

(Retirada de http://saudeinfantil.blog.br/ a 21 de setembro de 2014)

Este projeto torna-se inovador neste agrupamento quando aborda a temática da segurança em parceria e articulação com turmas de outros agrupamentos escolares, na disciplina de Oferta Complementar do primeiro ciclo do ensino básico e com o apoio do professor bibliotecário.

Os alunos desenvolvem conhecimentos sobre "segurança" em meio escolar e meio social, articulando estas aprendizagens com os conteúdos curriculares lecionados em contexto de sala de aula, como por exemplo nas disciplinas de: Português; Matemática; Estudo do Meio; entre outras.

A segurança escolar que se irá abordar vai de encontro com os princípios orientadores que enformam a reforma estrutural do Ministério da Educação e Ciência, consagrando-se pela qualidade da educação e da formação, mas também das instalações e equipamentos educativos, em particular.

As temáticas a abordar são: Segurança relativa a aspetos de saúde e higiene; Segurança contra incêndio; Segurança aos sismos; Segurança individual e coletiva.

No primeiro momento do projeto, os alunos identificaram objetos escolares diários e corresponderam a situações e atos de segurança individual e coletiva.

Fichas de trabalho utilizadas para o desenvolvimento do projeto "Eu sinto-me seguro"



O projeto encontra-se fundamentado em orientações do MEC (clicar para ler mais).

18/09/2014

As turmas C e D e "Um projeto a Par"

Os alunos das turmas C e D da EB1/JI Gaivotas integram um trabalho intitulado "Um projeto a Par" que decorrerá às 5ª feiras, das 14 às 15 horas, com o professor bibliotecário, e em casa junto da família e amigos entre 5 e 15 minutos por dia, de modo articulado com o professor titular da turma.

Este projeto pretende elevar a habilidade dos alunos envolvidos de modo evolutivo: 1º pela perceção da tarefa leitora; 2º pelo aperfeiçoamento das operações básicas da leitura; 3º pelo treino da leitura. Ou seja, resumidamente de forma cognitiva, de domínio e de automatização da leitura.

Deste modo, estaremos a criar um espaço onde pais e filhos interagem exclusivamente entre si, permitindo uma maior aproximação entre ambos, o que é muito positivo, pois reforça os laços afetivos já existentes, promove a colaboração escola-família e traz benefícios para a aquisição da leitura.

Outras realidades familiares existentes serão reforçadas com outros atores sociais, como por exemplo: um colega de escola, um amigo da família ou outro elemento (da escola ou fora desta) de forma a apoiar o desenvolvimento da capacidade leitora da criança.

Na escola decorrerão sessões de leitura com o professor bibliotecário em grupos de dois alunos, organizando-se momentos em que alunos mais velhos lerão para alunos mais novos (ou entre os seus pares da mesma turma) com o objetivo de: progredirem de forma correta; lerem de forma mais correta; apresentarem maior motivação para a leitura; melhorarem o seu autoconceito de leitores.

Desejamos a todos os interveniente BOAS LEITURAS e bom ano letivo.

(Ler mais - Parceria A Par)

A sala A e as turmas A, C, D e E requisitam livros para ler em casa

As crianças da sala A e os alunos das turmas A, C, D e E da EB1/JI Gaivotas deram início à atividade de requisição domiciliária semanalàs quintas-feiras, das 9 às 12 horas e 30 minutos, com o professor bibliotecário.

Nesta atividade, os alunos selecionam um a dois livros para leitura em casa junto dos seus familiares e amigos até duas semanas, podendo este tempo ser renovado por mais duas semanas. Após este período, os alunos têm de devolver os livros à biblioteca para que outros alunos também os possam requisitar e ler junto dos seus familiares e amigos.

Estes momentos de leitura fora da escola têm como objetivo: sensibilizar as famílias para a importância dos livros de histórias no crescimento e no desenvolvimento intelectual e afetivo das crianças.

No final de cada período, o professor bibliotecário divulgará os dados de utilização da biblioteca com referência a cada uma das bibliotecas escolares em que esta atividade decorre.

17/09/2014

As turmas B, C, D e E e "Um projeto a Par"

Os alunos das turmas B, C, D e E da EB1/JI Padre Abel Varzim integram um trabalho intitulado "Um projeto a Par" que decorrerá às 4ª feiras, das 14 às 16 horas, com o professor bibliotecário, e em casa junto da família e amigos entre 5 e 15 minutos por dia, de modo articulado com o professor titular da turma.

Este projeto pretende elevar a habilidade dos alunos envolvidos de modo evolutivo: 1º pela perceção da tarefa leitora; 2º pelo aperfeiçoamento das operações básicas da leitura; 3º pelo treino da leitura. Ou seja, resumidamente de forma cognitiva, de domínio e de automatização da leitura.

Deste modo, estaremos a criar um espaço onde pais e filhos interagem exclusivamente entre si, permitindo uma maior aproximação entre ambos, o que é muito positivo, pois reforça os laços afetivos já existentes, promove a colaboração escola-família e traz benefícios para a aquisição da leitura.

Outras realidades familiares existentes serão reforçadas com outros atores sociais, como por exemplo: um colega de escola, um amigo da família ou outro elemento (da escola ou fora desta) de forma a apoiar o desenvolvimento da capacidade leitora da criança.

Na escola decorrerão sessões de leitura com o professor bibliotecário em grupos de dois alunos, organizando-se momentos em que alunos mais velhos lerão para alunos mais novos (ou entre os seus pares da mesma turma) com o objetivo de: progredirem de forma correta; lerem de forma mais correta; apresentarem maior motivação para a leitura; melhorarem o seu autoconceito de leitores.

Desejamos a todos os interveniente BOAS LEITURAS e bom ano letivo.

(Ler mais - Parceria A Par)

16/09/2014

As turmas B, C, D e E requisitam livros para ler em casa

Os alunos das turmas B, C, D e E da EB1/JI Padre Abel Varzim foram à sua biblioteca escolar, dando-se início à atividade de requisição domiciliária semanal, às terças-feiras, das 14 às 16 horas, com o professor bibliotecário.

Nesta atividade, os alunos selecionam um a dois livros para leitura em casa junto dos seus familiares e amigos até duas semanas, podendo este tempo ser renovado por mais duas semanas. Após este período, os alunos têm de devolver os livros à biblioteca para que outros alunos também os possam requisitar e ler junto dos seus familiares e amigos.

Estes momentos de leitura fora da escola têm como objetivo: sensibilizar as famílias para a importância dos livros de histórias no crescimento e no desenvolvimento intelectual e afetivo das crianças.

No final de cada período, o professor bibliotecário divulgará os dados de utilização da biblioteca com referência a cada uma das bibliotecas escolares em que esta atividade decorre.

(Imagem retirada de http://www.cuidardebebe.com/ a 17SET2014)

15/09/2014

A sala A e "A Inês vai ao jardim de infância"

As crianças da Sala A do Jardim de Infância Padre Abel Varzim foram à biblioteca escolar ouvir o conto "A Inês vai ao jardim de infância" contado pelo professor bibliotecário.

Neste conto, uma menina chamada Inês vai para a escola no primeiro dia de aulas e pela primeira vez fica na escola sem a companhia da mãe.

A Inês conhecerá a nova educadora e os novos amigos, assim como outra aventuras de descoberta.

CUSTÓDIO, Lourdes - Inês vai ...


More PowerPoint presentations from Paulo Gomes

De seguida regressaram à sua sala de aula e trabalharam as novidades do conto.


12/09/2014

O JI Gaivotas e "Uma biblioteca é uma casa onde cabe toda a gente"

As crianças do Jardim de Infância Gaivotas foram à biblioteca escolar ouvir o primeiro conto  do ano letivo.

O livro foi lido pelo professor bibliotecário, tem como título "Uma biblioteca é uma casa onde cabe toda a gente" e foi escrito por Mafalda Milhões.


No final da leitura, as crianças expressaram a sua imaginação por meio de um desenho.


11/09/2014

O primeiro dia de escola com a biblioteca escolar

As turmas das EB1/JI Gaivotas e Padre Abel Varzim, ao nível das crianças da Educação Pré-Escolar e do 1º ano, foram recebidas pela primeira vez no novo ano letivo.

Os docentes de outras turmas organizaram atividades de receção aos novos alunos e o professor bibliotecário apoiou com sessões de leitura e de diálogo sobre este dia tão especial.

A obra utilizada para as sessões foi escrita por António Mota com o título O Primeiro Dia de Escola e encontra-se recomendada pelo Plano Nacional de Leitura.

António Mota - O Primeiro Dia...


More PowerPoint presentations from Paulo Gomes


No final das sessões, os alunos/pais/encarregados de educação receberam um folheto informativo sobre as bibliotecas escolares das escolas.



Antes de sairem da biblioteca, algumas crianças do Jardim de infância pintaram os seus alimentos preferidos antes de ir comer.


Alguns dos registos feitos das atividades desenvolvidas na EB1/JI Padre Abel Varzim.

 
 

Clicar para ver um vídeo sobre a obra utilizada (realizado por crianças de outras escolas) - http://youtu.be/6j0ZWrVUldo.